19 novembro 2013

Dicas - como relaxar na véspera de um concurso público

Nada de se deixar levar pelo nervosismo: aprenda técnicas que ajudam a conseguir um bom resultado
http://espalhegeral.blogspot.com.br/2013/11/dicas-como-relaxar-na-vespera-de-um.html


RIO - O filme brasileiro “O concurso”, conta a saga de quatro concurseiros que vão fazer a prova de um importante concurso público e resolvem roubar o gabarito. Mas se você está se preparando para uma seleção, não precisa se desesperar e pensar em seguir o caminho tortuoso que os personagens de Fabio Porchat, Danton Mello e cia escolheram. O jeito é estudar e não se deixar levar pelo nervosismo. O Boa Chance reuniu dicas de especialistas de como relaxar antes da prova e conseguir um bom resultado.

Aline Cataldi, psicóloga para concursos do Universo do Concurso Público, ressalta que é bastante comum pessoas bem preparadas não conseguirem passar porque ficam muito ansiosas. Para evitar que a insegurança atrapalhe, diz Aline, o candidato deve lembrar que pensamentos geram sentimentos, que geram comportamentos.
— Por exemplo: se ao fazer uma prova, os pensamentos são: "Aqui está muito cheio, muitas pessoas concorrendo, não sei se vou conseguir!" ou "Se eu não passar vou ter que estudar mais, não sei se vou ter ânimo para isso", os sentimentos serão: medo, desespero, que causam reações fisiológicas, como dificuldade de concentração, mãos suadas, taquicardia, dor de barriga. E os comportamentos serão: desistir da prova, pular questões, chutar respostas.
Cláudia Venancio de Lima, psicóloga e consultora do Canal dos Concursos, conta que, trabalhando com alunos que estavam se preparando para concursos, observou uma baixa tolerância à frustração com os seus próprios erros. Ela diz que percebeu que os que obtinham melhores resultados eram os que conseguiam aceitar que o erro fazia parte de sua jornada e servia para aprimorar o conhecimento ainda não aprendido.
— A ansiedade esta ligada a expectativas, e aparece quando a pessoa sai do presente. Assim, ela desaparece se o aluno consegue abandonar sua necessidade de controle do futuro.
Uma das possibilidades de ficar realmente no “tempo presente", diz Claudia, é através das funções sensoriais. Assim, um ou dois dias antes da prova, o concurseiro deve: fazer o exercício de respirar pelo nariz, soltando o ar pela boca; saborear seu prato preferido, prestando atenção no sabor do alimento; ouvir música, prestando atenção na melodia; ir a lugares que gosta, como praia, parque arborizado ou cachoeira. Para estas atividades, ela acrescenta, pode ser muito interessante ter a companhia de um amigo, mas não aquela pessoa que fica o tempo todo falando da prova.
— Enfim, o estudante pode conseguir uma qualidade maior da sua atenção durante a prova quando ele fica no aqui e agora, através das suas sensações e sentimentos, e com isso seu organismo pode experimentar uma congruência entre o seu sentir, pensar e agir.

Segundo Aline, do Universo do Concurso Público, a partir do momento que conseguimos prestar atenção nas coisas que passam pela nossa cabeça e em imagens que visualizamos, podemos tentar modificá-los por pensamentos mais otimistas e adequados a situação. Ela sugere que o candidato, no dia anterior à prova, reserve uma hora para fazer um exercício, que pode ser uma caminhada, caso não esteja acostumado; pense sempre positivamente; visualizando que já passou na prova; durma bem e, em caso de insônia, faça um relaxamento e/ou exercício de respiração; alimente-se bem, com alimentos leves; chegue com antecedência de no mínimo uma hora para evitar ansiedade, e não comece a rever a matéria, pois isso só gera desespero

Fonte: http://oglobo.globo.com/economia/emprego/dicas-para-voce-relaxar-na-vespera-de-um-concurso-publico-9415322